7 Passos para o Sucesso Empresarial

7 passos para o sucesso empresarial

Os processos de coaching têm um princípio, um meio e um fim.

Ao longo das minhas sessões de coaching tenho pensado muito na estrutura de um processo de coaching.

O que é um processo de coaching?

Como é que eu guio os meus clientes nesta jornada desde que começo a trabalhar com eles, até estarem completamente aptos a fazerem sozinhos o seu caminho?

Inicialmente, fazia-o de forma muito intuitiva, sem ter sistematizado este processo.

Neste artigo, mostro-lhe como estruturei o processo de coaching em 7 passos para o sucesso empresarial.

 

Os 7 passos para o sucesso empresarial 

Passo 1 – Alicerces

Esta é a fase de fazer o RX da empresa.

 

RX financeiro

Nesta fase, eu trabalho com o empresário para conhecer os números da sua empresa.

A maior parte dos empresários afirma ter conhecimento dos números da sua empresa.

Pela minha experiência, 90% dos empresários não conhece devidamente os números do seu negócio. Não percebe os números que estão por trás do negócio e como funciona a mecânica desses números.

Confiaria num médico que lhe passasse um diagnóstico, sem lhe fazer exames?

Não! Os exames que o médico prescreve são os indicadores do seu corpo.

Por isso, entender os números do seu negócio é crítico para fazer o RX da sua empresa.

 

Que números são estes?

Para que consiga entender qual a situação atual da empresa e qual a evolução do negócio ao longo dos meses e anos, é importante que saiba interpretar uma demonstração de resultados, um balanço, um mapa de fluxos de caixa.

 

RX operacional

Para além da questão financeira, é necessário dominar a vertente operacional.

Saber o que está por trás daqueles valores.

No caso das vendas, é necessário entender como está o seu funil de vendas; no caso do marketing, é necessário saber qual é o investimento versus o retorno.

Trata-se de ter alguns indicadores-chave operacionais em cada área.

 

Passo 2 – Propósito

Tenho falado muito sobre missão, visão, pontos de cultura e sonhos empresariais.

São coisas que muitos empresários acham que fizeram há uns anos, mas que muitas vezes já não se lembram quais são.

A missão, a visão, os pontos de cultura e os sonhos têm de ser vividos de forma muito intensa por si e definidos com o seu coração.

Se a missão, a visão, os pontos de cultura e os sonhos não refletem a sua identidade, volte a olhar para estes pontos e redefina-os.

Se já tem uma empresa a funcionar com equipas, definir estes conceitos pode ser um processo em que toda a equipa esteja envolvida de alguma forma.

Obviamente que a palavra final será sempre sua, mas ouvir o que a equipa acha sobre estes assuntos ajuda a que a mesma se sinta envolvida.

Os sonhos são muitas vezes esquecidos nesta equação, mas se não tiver sonhos, todas as outras coisas perdem valor.

Por isso, desafio-o enquanto empresário: pense numa lista de 20 sonhos que tem para a sua empresa.

Com estes sonhos, vai construir a sua visão.

 

Passo 3 – Estratégia

Nesta fase do processo, vamos materializar a visão para o próximo ano ou para um período de tempo mais curto.

Para isto adote um pensamento estratégico:

 

  • Qual ou quais os seus nichos?

Não se trata de saber quem são os seus clientes atuais, quem está na sua base de dados ao dia de hoje, mas sim saber para quem é que quer comunicar.

Saber para quem quer trabalhar daqui para a frente vai fazer com que possa ajustar toda a sua estratégia tendo em conta quem é o seu nicho privilegiado.

 

  • Concorrência

Saiba como se comportam os seus concorrentes.

Tenha em atenção que a concorrência pode não ser só a empresa que está ao seu lado e que faz o mesmo que a sua.

Concorrência pode ter um sentido lato.

A sua concorrência podem ser outras empresas que não prestam o mesmo serviço, mas que concorrem com o orçamento do seu cliente.

Por exemplo, eu tenho clientes que me dizem que gostavam de fazer coaching comigo, mas não podem porque têm de investir numa máquina para a produção.

 

  • Use a Análise SWOT (Strengths – Forças, Weaknesses – Fraquezas, Opportunities– Oportunidades e Threats – Ameaças).

 

  • Pense em objetivos financeiros a longo prazo no que diz respeito a lucros e faturação.

 

  • Defina uma proposta única de valor.

Defina em que é que se vai diferenciar.

Porque é que vai conseguir que os clientes o escolham a si e não à sua concorrência.

Isto vai condicionar a sua comunicação e forma de estar.

7 passos para o sucesso empresarial: o planeamento é uma etapa crucial

Passo 4 – Planeamento

  • Defina objetivos anuais
  • Defina objetivos trimestrais
  • Defina objetivos diários
  • Trace um plano de execução no qual identifica o “quê” o “quem” e o “quando”.

 

Passo 5 – Execução consistente

Como pode garantir a execução consistente do plano?

  • Crie processos e manuais de procedimentos
  • Crie mecanismos de controlo.

Ou seja, indicadores operacionais que tenham o detalhe suficiente para que perceba o que está a acontecer, mas que ao mesmo tempo não tenham demasiados detalhes para que não se perca.

Encontrar este equilíbrio é muito difícil, mas muito importante.

  • Crie momentos de reuniões de acompanhamento às equipas e mecanismos de avaliação e feedback.

Há muitas ferramentas que o podem ajudar neste ponto.

  • Crie automatismos para simplificar os processos. Isto gera rapidez e menos erros.

 

Passo 6 – Recursos Humanos

É muito importante garantir que tem as pessoas certas nas funções certas.

Neste passo, definimos o caminho que temos de percorrer para construir a empresa ideal.

 

Passo 7 – Crescimento sustentado do negócio

Aqui falamos da liderança em pleno.

Nesta fase, trabalhamos a liderança do ponto de vista do mindset para o futuro.

Como é que vai influenciar toda a equipa a abraçar a ambição e os novos desafios e criar uma mentalidade de vencedor em toda a organização.

 

Compreendeu os 7 passos para o sucesso empresarial?

Estes 7 passos para o sucesso empresarial fazem sentido para o seu caminho?

Deixe nos comentários o seu parecer!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.